Interlaken, Berna e Genebra – Roteiro pela Suiça

Milão ficou para trás.

Rumo à Suiça, lá fomos nós cruzar os Alpes. Como estávamos no Verão sabíamos que não veríamos neve. Em vez disso, acolheu-nos uma temperatura mais amena, contrastando também com o calor tórrido de Milão. Planeávamos visitar Interlaken, numa breve passagem, seguindo depois para Berna e Genébra.  Já em França, “desceríamos” até Séte, que num grande acaso, iniciava a festa ao Padroeiro São Luís. E, já prevendo o regresso, o nosso percurso cruzaria ainda com as localidades de Carcassone e Lourdes, em direcção ao Porto. São cerca de 2500km numa semana, de caravana, absorvendo aquelas paisagens magníficas como as montanhas dos Alpes, os rios “verdes” helvéticos e o mar calmo do mediterrâneo.

A caminho de Interlaken

A Suiça é dos países mais ricos do mundo. É um país Europeu, mas não faz parte da União Europeia, por isso, vais encontrar alguns constrangimentos (não muitos) para o visitares. A nossa entrada no país foi de caravana, por isso tivemos que pagar uma taxa para entrar no país. É um país caro, como já referi noutro post – Zurique, um dia. No entanto, não é necessário visto de entrada para cidadãos europeus. Apenas um documento de identificação, como o passaporte.

Atravessar os Alpes significou uma mudança radical da arquitectura e paisagem. Agora as casas são escuras e têm telhados íngremes, para fazer deslizar a neve. A paisagem é também recheada de florestas e planícies verdes, onde o gado pasta – como nos anúncios da  Milka.

Sente-se, é claro a temperatura a descer, mas é o normal por aqui. Interlaken é uma vila situada entre dois lagos, Thun e Brienz. Para além das paisagens magnificas, esta vila é famosa pela estação de comboios, que a afirmou como instância de férias da Suiça no século XIX.

As paisagens são muito bonitas e valem bem a pena.

DIGITAL CAMERADIGITAL CAMERADIGITAL CAMERADIGITAL CAMERADIGITAL CAMERADIGITAL CAMERADIGITAL CAMERA

Berna, a capital Suiça

Muitos podem pensar que a capital Suiça é Zurique ou Genebra. No entanto, enganam-se. É em Berna que está a Assembleia Federal, o local onde estão representados os cantões Suiços.

Em termos geográficos, a capital é circundada pelo rio Aar e situa-se num planalto. Está inscrita no património cultural da Unesco por causa da elevada preservação medieval do seu centro histórico.

O centro de Berna é bastante fácil de visitar a pé e as atracções são inúmeras. A principal é a torre do relógio Zytgloggle construída em 1530. Nas imediações, uncontras um autêntico centro comercial a céu aberto, com dezenas de lojas pelas ruas (Marktgasse). Nas ruas adjacentes à Marktgasse vai de encontro à catedral gótica, Das Berner Munster, com uma uma torre de cem metros de altura. Mais à frente está o palácio Federal da Suiça, com uma enorme praça central, para onde se expandem várias explanadas (Barenplatz). Um pormenor que não te pode escapar é a visita ao parque dos ursos. Este parque situa-se a Este da cidade, depois da ponte Nydeggbrucke. O urso tem um significado forte para os habitantes de Berna, visto que é o símbolo da cidade e do cantão.

dscf0800dscf0802dscf0805dscf0808dscf0812dscf0814dscf0816dscf0817

Genebra

A passagem por Genebra foi super curta. Algumas das atracções, só mesmo de passagem, para confirmar que era ali o lugar. Ainda assistimos a um assalto em plena rua, por isso a nossa sensação de segurança baixou um pouco, abdicando de ficar por ali mais tempo.

Apesar disso, tens mesmo de dar um passeio pela glamorosa marginal Wilson. Daqui podes ver o jacto de água de Genebra e a marina, onde estão atracados alguns iates de magnatas. Genebra, é a capital da fina relojoaria, sede das Nações Unidas na Europa, Unesco, Cruz Vermelha e do CERN, entre tantas outras coisas. Por isso, não vão faltar pontos de interesse.

dscf0832dscf0833dscf0844dscf0845dscf0846dscf0848

Para obteres mais sugestões sobre a Suiça, visita o post sobre Zurique.


Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.